Prefeito Adilson e deputado Carl√£o Pignatari pedem recursos para Valentim Gentil

Materia publicada dia 21/02/2017 - 14:53

O prefeito de Valentim Gentil, Adilson Segura, participou, nesta segunda-feira, 20, em São Paulo, de uma audiência com Murilo Mohring Macedo, subsecretário de Relacionamento com Municípios da Casa Civil do Governo do Estado, agendada a pedido do deputado estadual Carlão Pignatari, que se fez presente na reunião.

 

Na oportunidade, o prefeito Adilson Segura apresentou diversas reivindicações em prol de Valentim Gentil, todas elas endossadas pelo deputado estadual Carlão Pignatari, como a liberação de R$ 300 mil para investimento no custeio do setor municipal de saúde pública; e R$ 1,3 milhão para construção de uma unidade do Programa Creche Escola no bairro Jardim dos Ypês.

 

“Agradeço mais uma vez ao deputado estadual Carlão Pignatari, que além de interceder pelos pedidos de interesse do Município, ainda tem agendado audiências com as autoridades do Governo do Estado, para que possamos cobrar pessoalmente as melhorias para nossa cidade. Tenho certeza que essa parceria trará muitos frutos para a população valentim-gentilense, que agradece o empenho do deputado Carlão e do governador Geraldo Alckmin”.

 

Obras antienchentes

Adilson Segura participou também de uma audiência com a Coronel PM Helena dos Santos Reis, Secretária Chefe da Casa Militar do Estado de São Paulo e Coordenadora Estadual de Defesa Civil, onde o prefeito solicitou a liberação de recursos financeiros para execução de obras antienchentes, incluindo a construção de um trecho de galerias de águas pluviais próximo à rotatória da Praça Adão Néris, na entrada da cidade.

 

“Agradecemos muito à Coronel Helena Reis, que já foi responsável pelo CPI (Comando do Policiamento do Interior) 5, de São José do Rio Preto, cidade onde nasceu, e hoje enche a nossa região de orgulho e esperança como uma das maiores autoridades do Estado, sendo a segunda a mulher a chefiar a Casa Militar do Gabinete do Governador e a Coordenadoria Estadual de Defesa Civil”, afirma Segura.